Passaporte

RJ, 08/05/2012

QUEM SOMOS?

Olá! Somos a Aline e o Thiago. 🙂 Neste espaço, vamos registrar as nossas loucuras. Loucuras sim, porque a gente não planeja uma viagem só no papel e ficamos no “Ah, vamos pra onde?Ano que vem nós vamos…” ou algo parecido. Pelo menos de seis em seis meses, a gente quer fazer as malas e partir para algum lugar – longe ou perto. Se vamos ter dinheiro ou um planejamento para isso, não importa. O negócio é meter a cara, estudar o que pode ser feito, analisar a engenharia financeira e… Vrupt! Quando vimos, já fomos. Claro que ter conforto, planejar-se financeiramente para levar mais grana é preciso. Afinal, imprevistos acontecem. Mas, se você acha que o lugar dos seus sonhos é caro e muito distante da sua realidade, se não der o primeiro passo, da cadeira você não sai. Compre as passagens para daqui a 6 meses, por exemplo! Garantimos que, depois da loucura cometida, você vai batalhar para que seu sonho caminhe.

Porto Seguro 2009: Nossa primeira viagem, com dois meses de namoro

Porto Seguro 2009: Nossa primeira viagem, com dois meses de namoro

Por que O Tour Nosso de Cada Dia?

Para quem gosta, uma boa viagem é (quase) tão importante quanto “o pão de cada dia”. Com pouco dinheiro ou muito dinheiro, em hotel bom ou albergue, para Paris ou Porto de Galinhas. ). O que interessa para nós – além de fazer amor de madrugada – é pegar o primeiro avião (ou ônibus, carro, trem…) com destino à felicidade. E a felicidade, para nós, é conhecer o máximo de locais possível, sempre um ao lado do outro.

Como um diário de bordo, aqui contaremos os preparativos, as expectativas, o que vimos, o que deixamos escapar e por aí vai. Somos um casal apaixonado (por viagem também) e queremos desbravar o mundo. Não temos pressa para isso, apenas uma prece: “Mesmo sem muito planejamento e tempo, o tour nosso de cada dia nos dai hoje…”

“Quem é o Thiago para a Aline?”

Bom, o Thi é a companhia para viajar que nunca tive – além de ser meu namorado, claro (rs). Ele é tipo Red Bull: dá asas às minhas loucuras quando o assunto é viagem. Ah, é ele também que me coloca para pesquisar e fazer os roteiros aproveitando do meu apreço para isso (rs). É aquele que têm paciência para tirar 3541 fotos, que acorda cedo de bom humor (só nas viagens) e topa conhecer, comprar e fazer o que nem estava antes no roteiro  – que geralmente eu invento do nada. Antes de encontrar o Thiago, eu viajava sem sair da cadeira e não sabia o quão é bom arrumar as malas, conhecer lugares e pessoas. Admirava quem sempre reservava um tempo para viajar, mas não tinha coragem de partir sozinha, apesar de achar a ideia legal e ousada. Não consigo.Não adianta.

Antes da era web, eu me correspondia por cartas e fazia amizades com pessoas de outras cidades, aqui no Brasil e com algumas pelo mundo. Depois, ainda sem oportunidades ou falta de companhia para viajar, o jeito era ler sobre destinos. Foi aí que eu conheci “muitos lugares” e muita gente bacana em bate papos e comunidades do Orkut. A maioria eu tenho contato até hoje. Fiz roteiros para onde nunca fui, tirava dúvidas para ajudar as pessoas e esperava chegar a minha hora de levantar voo literalmente. Só conhecia São Paulo, Governador Valadares e o Londrina – lugares onde tenho família. Mas foi em 2009, com 27 anos anos, que pela primeira viajei de avião. Com quem? Com o Thiago. Tínhamos dos meses de namoro. Passeando no shopping, entramos na CVC e saímos de lá com os vouchers para a nossa primeira viagem: Porto Seguro, um lugar simples que se tornou o pontapé inicial.

Daí não paramos mais e, pelo menos de 6 em 6 meses, a gente arrumar as malas e segue para qualquer destino. Eu canto a pedra para ele. Ele pensa. No dia seguinte no máximo ele envia um e-mail com pesquisas. Quando não me liga dizendo “Não consigo para de pensar no destino que você disse.Vamos dar um jeito e ir“. É engraçado. Costumo parafrasear o Jota Quest e dizer que o Thiago parece comigo normal e do avesso… Ele era o detalhe que faltava nos meus roteiros. 🙂

Só ele para ter paciência de fazer as fotos que peço em vários ângulos :p (Praia do Espelho - Sul da Bahia/2009))

Só ele para ter paciência de fazer as fotos que peço em vários ângulos :p (Praia do Espelho – Sul da Bahia/2009))

“Quem é a Aline para o Thiago?”

O que dizer da minha “miguinha” nesse depô? Hahaha, ok. Orkut mode off. Apesar de jornalista, eu sou péssimo em escrever essas coisas. Meu negócio é lead, sublead, aspas, conclusão e acabou. Então, vou manter a estrutura de uma matéria: Quem? Aline. Quando? Para sempre. Como? Do meu lado. Onde? Pelo mundo a fora. Por quê? Porque eu a amo.

Faltou o “quê”, mas é porque ela é justamente este  “quê” que entrou na minha vida no início de 2009 como um simples contato profissional e, alguns meses depois, se tornou minha namorada, companheira, amiga… Com o seu jeitinho que encanta, diverte – e que também tira dos sério às vezes (como agora, que ela tá na cama palpitando sobre o que eu devo escrever hahahaha).

A Aline é uma pessoa muito importante para mim, que está sempre ao meu lado seja para viajar para a Europa ou para jogar um Fifinha no Play Station. Ela fecha nos shows do Belo, nas idas ao Tchan, nos jogos do Flamengo… Sei lá, o que mais eu poderia querer? É tipo aquele papo de alma gêmea que o pessoal diz por aí que existe e que eu não acreditava muito“, afirmou Thiago Barros.

Por essas e outras é que, como ela falou, “eu dou asas às loucuras” dela. Porque, lá no fundo, nossas loucuras acabam se batendo. Costumam dizer que os opostos que se atraem, mas acho que a gente contraria até as leis da física. E é por isso que somos um casal especial.

Ela felizinha nas viagens não tem preço! (Maragogi  - Alagoas, dezembro/2011))

Ela felizinha nas viagens não tem preço! (Maragogi – Alagoas, dezembro/2011))

%d blogueiros gostam disto: